Labels

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Para Deus tudo é possível?


"Porque para Deus nada é impossível". – Lucas 1:37

Você acredita que tudo é possível para Deus? Eu não creio desta forma. Posso talvez ser mal interpretado, mas em pelo menos uma situação Deus é impotente para agir, e dela falo abaixo.

Isso se dá pelo fato de Deus ser Amor. Seu amor o fragiliza, pois o amor só existe em liberdade. Deus pode nos amar e de fato nos ama, mas Ele pode nos obrigar a amá-lo?

Você conhece pessoas que ouvem a Verdade revelada nas Escrituras, é tocada profundamente pelo Espírito Santo, vão às lágrimas e se derretem toda, mas esta reação é apenas fruto de uma emoção passageira. Como aquela “semente que caiu sobre pedra e, nascida, secou-se, pois que não tinha umidade” (Lucas 8:6), vejo pessoas que caem na descrição que Jesus deu na parábola do semeador. Estas pessoas são aquelas que, “ouvindo a palavra, a recebem com alegria, mas, como não têm raiz, apenas crêem por algum tempo, e no tempo da tentação se desviam” (Lucas 8:11).

Ouvem a Palavra, se alegram com ela, simpatizam com Jesus, acham-no “o cara”, um grande mestre, o espírito mais evoluído que já viveu entre os homens, um candidato ao prêmio Nobel da Paz... Acham-no tudo, menos que Ele é Senhor e Salvador.

O que Deus pode fazer com uma pessoa assim? O que nós podemos fazer com pessoas assim?

Temos por acaso como decidir por elas? Podemos obrigar alguém a fazer o bem, andar pelo Caminho correto, optar pela Vida? Como está escrito em Deuteronômio 30:15-20,

“Vês aqui, hoje te tenho proposto a vida e o bem, e a morte e o mal; Porquanto te ordeno hoje que ames ao Senhor teu Deus, que andes nos seus caminhos, e que guardes os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, para que vivas, e te multipliques, e o Senhor teu Deus te abençoe na terra a qual entras a possuir. Porém se o teu coração se desviar, e não quiseres dar ouvidos, e fores seduzido para te inclinares a outros deuses, e os servires, Então eu vos declaro hoje que, certamente, perecereis; não prolongareis os dias na terra a que vais, passando o Jordão, para que, entrando nela, a possuas; Os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, de que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe pois a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, Amando ao Senhor teu Deus, dando ouvidos à sua voz, e achegando-te a ele; pois ele é a tua vida, e o prolongamento dos teus dias; para que fiques na terra que o Senhor jurou a teus pais, a Abraão, a Isaque, e a Jacó, que lhes havia de dar”.

Deus alerta, avisa, sinaliza, até mesmo ordena, faz quase tudo para que optem pela vida. Só que isso não é o suficiente, e Deus sabe disso. Como toda ordem, ela pode ser desobedecida. Ele não pode obrigar quem quer virar as costas a Ele que o ame. Se o fizesse, descaracterizaria Deus e Ele não seria mais quem Ele É. Isso a meu ver faz o coração de Deus sofrer, mas só desta forma Ele agiria em coerência com quem Ele É.

Isso é triste, mas o Amor é sofredor. Quem ama sofre. Como diria Raul Seixas em Medo da Chuva, “...hoje eu sei que ninguém nesse mundo é feliz tendo amado uma vez, uma vez”. Base bíblica há, como está escrito em 1Co:13:4-7: O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta”.

Em suma: Deus “pode tudo mas não pode” devido ao Amor. Senão Ele não seria AMOR.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Anônimo, eu não sei quem é você, mas o Senhor te conhece muito bem. Sendo assim, pense duas vezes antes de utilizar este espaço LIVRE (poderia bloquear comentários de anônimos mas não o faço por convicção pessoal e direção espiritual) antes de ofender quem quer que seja. Estou aberto para discutimos idéias sem agredir NINGUÉM ok? - Na dúvida, leia mil vezes Romanos 14, até ficar encharcado com a Verdade sobre este assunto...