Labels

domingo, 29 de maio de 2011

Dias Pensativos



Encontro-me agora neste momento em meu quarto, quero escrever um pouco sobre esta semana que passou, uma semana estranha , dias em que ia trabalhar e contava as horas para que logo acabasse meu período de trabalho.

Desde os primeiros dias algo acontecia para tentarem tirar a minha paz, um ambiente pesado, e nestes momentos conversava com Deus, me equilibrava no caminho e na luz e a paz voltava.


Trabalho em um Hospital-maternidade, vejo muita alegria, emoção, sonhos, por vezes infinitas pessoas recebendo seus bebês que esperaram por 09, 08, 07 meses e de repente lá estão seus filhotes. Choros, olhares observadores, tremores, extasiados de alegria encontram-se seus pais, outros não conseguem falar, mirar uma câmera para clicar uma foto.

Não sei explicar esses dias, momentos de reflexão, de por algumas horas preferir estar só e conversar com Deus, ouví-lo, o mais engraçado é que (JC meu marido) viveu algumas coisas parecidas. Na verdade, eu contei tudo isso para chegar no dia de hoje domingo (o nosso almoço).

JC preparou uma costela de cordeiro no forno para almoçarmos, iniciamos o almoço ambos sentindo a presença de Deus, existia no ar algo de espiritual sem querer espiritualizar (nem gosto disso), de repente imaginei Jesus ceiando com seu discípulos, conversando, ensinando. A minha boa viagem continuou e cheguei até a Festa de Babete, do nosso jeito, com nossos poucos ingredientes, pudemos estar bem, felizes e o mais importante ou tão importante quanto, ter a presença de Deus conosco.


E, não esquecendo o João Carlos havia deixado uma mensagem no pente, para ouvirmos durante o almoço... precisa explicar?

Finalizamos a semana com um domingo maravilhoso.

Reações:

7 comentários:

  1. Cil,

    Muito bom poder ver, finalmente, alguma coisa de você por aqui, que não seja pelo 'olhar' do Jotacê!!! rsss Melhor ainda é poder perceber essa cumplicidade que está havendo entre vocês dois, nos sentimentos, nas sensações. Isto é coisa de uma só carne! Isto é coisa de Deus!!! Acho que é por isto que você foi levada a pensar em Jesus ceiando com Seus discípulos. Não se trata de espiritualização de fatos reais e físicos, mas da própria presença do Espírito de Cristo em suas vidas. Bênção purinha!!!

    Saboreie essa Paz, Cil, principalmente, nos momentos em que o ambiente de trabalho estiver pesado (quase sempre, não?)!

    Forte abraço e muita Paz!

    ResponderExcluir
  2. Olá René!
    Bem interessante este seu comentário... rsss
    René temos cumplicidade sim, e é louco como ás vezes nos vemos tendo a mesma idéia ou vivendo coisas parecidas, não sei explicar... confesso e continuo extasiada com tudo, que loucura!!!

    Olha já te conheço bastante através do JC claro, ele vive falando de vc, posso te falar mais uma loucura? Não é loucura, é o Espírito de Deus habitando em nós e daí acontece isso... cara ele te tem como um irmão em Cristo e além de Cristo... como dizem (os cariocas) tudo junto e misturado...

    Que Deus continue te abençoando...

    Um abraço.
    Cil

    ResponderExcluir
  3. Cil, minha linda!

    Considero-me mais privilegiada do que o René pois que já tive o prazer de deliciar-me com a leitura de um texto teu. Talvez até despretensioso pra ti, mas que pra mim apresentou-se como profundo e reflexivo, lembra-se?

    E você falando sobre seu trabalho, fico a imaginar como Deus te abençoou ao te colocar em função que lida com a existência, com o sentido da vida.

    Também muito me alegra - e me admira! - essa sintonia por mim captada desde o início, antes mesmo de te "conhecer" (e já te conhecendo) pois que sempre te apresentastes emanada por meio das linhas e entrelinhas escritas por este "pastor".

    Deus os abençõe,

    Rê.

    ResponderExcluir
  4. Eu também tenho o JC como um irmão e até mais do que isto, Cil! E o seu 'azar' é que tenho você em alta conta, também, com muito carinho, por você ser uma só pessoa com ele!!!

    Abração e Paz!!

    ResponderExcluir
  5. Oi Rê!
    Eu Já gostei do linda... rss
    Rê... me lembro sim, que bom que de algum modo rolou uma reflexão... gosto demais dos teus textos, sem contar que já lí teu livro também, já saiu a próxima publicação de um outro?

    Menina, meu trabalho é realmente uma benção vê aqueles pequeninos iniciando uma vida é fantástico, o início de uma vida!

    E a sintonia entre eu e o Jc existe, e é tão bom vivermos isso, seja entre amigos ou em um relacionamento. Ele é também o meu Pastor.

    Beijos e fica com Deus!
    Cil

    ResponderExcluir
  6. Ô Renê...
    Este alta conta significa que ganhei um amigo, grande "azar" rss
    Abraço
    Cil

    ResponderExcluir
  7. Cil, linda é uma forma carinhosa que eu costumo usar na intimidade, mas não tenho dúvida que o pastor a acha lindona.

    Mas como vc me chamou de "menina" estamos quites rss Afinal, eu me sinto mesmo (quase) uma menina e isso é luxo! Minha sobrinha de dez anos, que é meu xodó, disse que eu pareço ter trinta rss Tadinha, tão bondosa, bondade em excesso :) Mas bem que é bom pro ego he he

    Beijos mil

    Rê.

    ResponderExcluir

Anônimo, eu não sei quem é você, mas o Senhor te conhece muito bem. Sendo assim, pense duas vezes antes de utilizar este espaço LIVRE (poderia bloquear comentários de anônimos mas não o faço por convicção pessoal e direção espiritual) antes de ofender quem quer que seja. Estou aberto para discutimos idéias sem agredir NINGUÉM ok? - Na dúvida, leia mil vezes Romanos 14, até ficar encharcado com a Verdade sobre este assunto...