Labels

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Vomitei, pronto, tô melhor...


Tem dia que é foda, e hoje está foda. Não estou a fim de escrever, mas preciso colocar para fora o que está me consumindo. Uma angústia, uma sensação de que tem algo faltando, a impressão de que há algo de errado dentro de mim, mas não consigo entender o que. Tô no veneno...

Terça-feira passada escrevi um texto que preferi tirar do meu blog. Era uma piada besta que contaram pra mim muitos anos atrás. Ela narra uma situação aparentemente verídica, e no momento de clímax se descobre que é um sonho. Contei o caso para minha menina quando cheguei em casa e ela estava acreditando. Ao final ela ficou aliviada. Demos risada, ela me bateu, mas depois me senti um fdp. Não quero perder minha credibilidade, caso goze de alguma. Não é o tipo de postagem que quero colocar em meu blog. Aqui eu quero expor meus sentimentos e dúvidas, minhas crenças e valores, fatos verídicos de minha vida. Ao colocar esta historinha me senti mal. Não que houvesse algo demais ou de menos nela, simplesmente pelo fato de desejar que quem venha me dar a honra de acessar meu blog leia o que tenho escrito e que saiba que aquilo é verdadeiro, por mais que pareça ser fruto de minha imaginação. Tenho testemunhas dos fatos que escrevo.

Vivi muitas coisas loucas em minha vida no passado. Minha vida pós-conversão foi e tem sido intensa. Coisas que não me falaram que eu iria viver por ter começado a andar ao lado de Jesus Cristo tornaram-se rotina em minha vida. Este é o mal de quem compra um aparelho complexo e não lê o manual de instruções. Não quero dizer que não estou feliz, pelo contrário, Jesus é a razão de meu viver. Ao ler a Bíblia vi e vejo quão natural são os confrontos no mundo espiritual, os momentos de deserto, as vitórias e os silêncios.

Isso é coisa para ser escrita. Postar textos de outros em meu blog só se for de gente que tem o que dizer. De Ricardo Gondim e Bono Vox ao Ap. Paulo e Rei Davi. Daí pra frente. Meu blog não é uma extensão da mídia eletrônica, escrita e televisiva. Não quero ficar famoso nem quero gozar com o pau dos outros. Não quero que o acesso ao meu blog seja automático como tomar Coca-Cola, por não parar para pensar se existe algo melhor para acompanhar o hot-dog.

Outro dia pedi para um cara ‘famoso’ aí me dar umas dicas sobre meu blog. Pedi na humildade. Perguntei se ele podia dar uma olhada para ver se ele achava que eu levava algum jeito para escrever. Nem respondeu meu email. Um abraço...

Não faço questão de que meu blog tenha milhões de acessos, nem muito menos quero divulgar/publicar este número nele. Instalei o contador de visitas mas vou tirar. Não quero cair no pecado de meu irmão Davi, que decidiu contar seu exército e com isso o orgulho entrou em seu coração. Pelo seu pecado mais de 70 mil pessoas morreram inocentemente. O orgulho precede a queda, e quero ser instrumento de bênção e não de maldição aos que me cercam. Se um texto meu puder ajudar alguém no momento de deserto e dor minha missão terá sido cumprida.

Sou e tenho autoridade espiritual, não sou um zero à esquerda. Sei bem quem sou e não serei nem mais nem menos do que isso. Querer ser mais me transformaria num idiota arrogante, querer ser menos me transformaria em algo mal, pois você ser menos do que você é te faz pior. Isso não tem nada a ver com humildade. Quem falou algo parecido com isso acho que foi Santo Agostinho. Ele está certo. Aprendi que o primeiro princípio da santidade é o de você ter a visão exata de quem você é.

Cara, ao falar sobre isso estou sentindo vontade de vomitar. Acho que pegou no breu. Estava engasgado desde o começo da semana mas não sabia com o quê. Agora estou conseguindo desabafar. Glória a Deus por isso.

É Deus, o Senhor é terrivelmente punk. Te amo por isso. Te amo por tudo. Te amo pelo prazer e pela dor.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Anônimo, eu não sei quem é você, mas o Senhor te conhece muito bem. Sendo assim, pense duas vezes antes de utilizar este espaço LIVRE (poderia bloquear comentários de anônimos mas não o faço por convicção pessoal e direção espiritual) antes de ofender quem quer que seja. Estou aberto para discutimos idéias sem agredir NINGUÉM ok? - Na dúvida, leia mil vezes Romanos 14, até ficar encharcado com a Verdade sobre este assunto...