Labels

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Então arrependeu-se o Senhor de haver feito o homem sobre a terra...


“E viu o Senhor que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era só má continuamente. Então arrependeu-se o Senhor de haver feito o homem sobre a terra e pesou-lhe em seu coração. E disse o Senhor: Destruirei o homem que criei de sobre a face da terra, desde o homem até ao animal, até ao réptil, e até à ave dos céus; porque me arrependo de os haver feito”. – Genesis 6:5-7

Baseando-me nas conversas que tenho ouvido em todos os cantos, aparentemente hoje os brasileiros acordaram se sentindo menos criados à imagem e semelhança de Deus. Eu pessoalmente estou com uma sensação horrível, sentindo o peso que se encontra sobre a cidade do Rio de Janeiro e, talvez, sobre o Brasil inteiro. Sendo mais franco, creio que todos estão se sentindo assim, menos humanos do que normalmente.

Se for verdade todos os fatos que cercam o sumiço de Eliza Samudio, estamos vivendo hoje um dos piores momentos da história da humanidade. Não é exagero, é sério. Não interessa ser um fato isolado, não estou comparando isso aos genocídios cometidos pelos nazistas, nem às guerras, as grandes destruições em massa impetradas por loucos regimes. Refiro-me à intensidade da perversão.

Está difícil verbalizar o que estou sentindo e estou relutando em escrever os detalhes que formam passados pela imprensa que, na verdade, é de conhecimento de todos. Estrangular um ser humano, desossar o corpo, jogar os pedaços de carne humana para quatro rottweilers comer e aparentemente sumir com os ossos numa concretagem. Não consigo imaginar tudo isso sem associar aos piores filmes de terror de que já ouvi falar

A vítima na verdade não tinha nada de santa. Aparentemente ela era mais uma maria-chuteira e atriz de filmes pronográficos. Em entrevista à revista Veja desta semana, Bruno (pode-se dizer), ex-goleiro do Flamengo, revelou detalhes de como começou a se relacionar com Eliza Samudio, desaparecida desde o início do mês de junho. O ex-goleiro rubro-negro disse que teve a primeira relação sexual com a estudante em uma festa que "era uma orgia só", na casa de Paulo Victor, também goleiro do Flamengo. Daí veio a gravidez, prática muitas vezes utilizada para segurar um homem rico e famoso pelo “meio das pernas”, a tentativa do goleiro de fazer com que a garota abortasse, as ameaças de morte, a queixa dela na Delegacia da Mulher, o nascimento da criança, a aproximação para possivelmente exigir que ele assumisse a criança ou talvez algo mais e, a partir desse momento, um vácuo que possivelmente quase ninguém confessará os detalhes.

Por outro lado, as evidências apontam somente para uma direção. Podridão, ausência de valores morais e espirituais, absoluta falta de valores familiares (mais dois pequenos detalhes desta família totalmente desestruturada: 1) o pai da vítima, que estava com a guarda provisória da filha do “casal”, é acusado de ter violentado uma menor de idade. Na época, a menina - 2) filha dele com a ex-cunhada (sim, traiu a esposa com a irmã dela) -, tinha apenas 10 anos. Condenado em primeira instância a oito anos de prisão, Luís Carlos Samudio recorreu da sentença e aguarda novo julgamento em liberdade).

Está tudo muito podre. Está tudo muito fora do eixo. O pior é que tem gente que eu conheço aqui na cidade maravilhosa que está defendendo o goleiro. Na cidade onde ele tem seu sítio, a grande maioria da população está do lado dele, por questões financeiras. Cada vez mais as estruturas da sociedade pós-moderna se despedaçam. Cada vez menos se respeita o ser humano, sua dignidade, sua imagem e semelhança de Deus. Cada vez menos se considera o Criador, que um dia julgará todos, vivos e mortos.

“Continue o injusto a praticar injustiça; continue o imundo na imundícia; continue o justo a praticar justiça; e continue o santo a santificar-se". – Apocalipse 22:11

Dizer mais o quê?

Maranata!

Reações:

7 comentários:

  1. Estou com o mesmo pensamento que você.. como sempre, suas palavras são perfeitas...

    E pensar que ele era goleiro do meu time... e pensar que muitas crianças se espelhavam nele... escuto gente dizendo q não foi ele quem matou.. ora, quem mais teria interesse no "sumiço" dessa menina??? tá na cara que ele é o mandante... frio, calculista...

    Quando leio ou escuto detalhes, fico achando que tudo isso é mesmo um filme... q não pode ser verdade que pessoas tenham cometido crime tão bárbaro... mas sim... esse é o mundo em que vivemos, recheado de Nardonis, Brunos, Suzanes...

    Que JESUS tenha misericórdia de nós...

    Fica nA Paz!!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Então, JC

    Estou estarrecida. Há dias que vou dormir inquieta e só oração mesmo pra aliviar nossos corações diante de tanta atrocidade.

    Meu Deus, contratar outro monstro devidamente qualificado pra fazer o "serviço" e assistir de camarote, já revela a mente perversa desse rapaz.

    E pensar que ambos têm relações afetivas: famíliares, primos, pai, mãe, mulher, filhos.

    O Nenem tem 3 filhos! Sua atuação impressionou até seus ex-colegas de profissão que lidam diariamente com a brutalidade humana, quanto mais a nós!

    Vai ver que é por isso que os fãs não acreditam que tenham sido seu ídolo.

    E de repente, é uma boa hora pra se parar com essa alienação, essa doença, essa mania terrível de fã e ídolo...

    Pois é por causa desses cultos a semideuses que muitos destes, já com seus desvios mentais, se exaltam e se acham acima do bem e do mal.

    O país está de luto é com isso e não com perda de Copa. :(

    ResponderExcluir
  3. Dalvinha, Regina...

    Uma vez, muitos anos atrás, vi um filme que só lembro de um trecho: Um empresário riquíssimo e mafioso, aparentemente dono de uma construtora, manda matar um desafeto seu durante a construção de (aparentemente) uma usina. Para se desfazer do corpo, lança-o no meio do concreto que estava sendo derramado para fazer a barragem. Nunca aquele corpo seria descoberto no meio daquelas paredes que mais pareciam as Muralhas da China...

    Foi isso que me veio a mente, este tipo de mentalidade diabólica...

    Como costumam dizer, se qurem conhecer um homem verdadeiramente, dêem poder a ele.

    É lastimável. Independentemente de ser astro de rock, esportista, pator ou office-boy, a maldade se espande de maneira assombrosa.

    Não estamos só de luto. Estamos com vergonha se sermos contados como seres humanos...

    ResponderExcluir
  4. Jota...

    Eu vi esse filme e acho até que filmes assim servem de inspiração, se é que mente criativa pra o mal precise disso...

    Lembro-me do video de humor do Adnet que o Confuso colocou. É humor, mas antes de tudo denúncia em forma de humor fino e sutil, escancarando a alma de muitos desses rapazes que se deslumbram com essa mudança de vida abrupta. É exatamente aquilo o que acontece, dadas as devidas exceções, claro.

    E veja que, indo da delegacia pra o carro, o Macarrão saiu com a camisa na cara e o goleiro de cara lisa, nariz pra cima e de peito inflado. O corpo fala e o deste simplesmente gritou. Só não vê nem ouve quem não quer.

    Que fique o registro em nossas mentes e que se revise urgentemente certos conceitos. Essa é minha esperança.

    Beijo,

    R.

    ResponderExcluir
  5. Imediatamente pensei no filme na hora que o menor disse que aparentemente os ossos da mulher tinham sido 'enterrados' no meio do concreto...

    Agora vemos filmes com vampiros galãs, as garotas loucas para levarem uma mordida no pescoço de um demônio desses, e tudo aparentemente normal...

    A sociedade precisa rever seus valores, mas sabemos que infelizmente a tendência é piorar.

    ResponderExcluir
  6. Não sei se eu me fiz entender direito mas creio que você sabe que quando eu falo em revisão de conceitos, é em relação a esse frenesi ao aplaudir e colocar esses meninos da bola em altar e endeusá-los. Faz mal pra quem o faz e pra o deus em potencial. E quando este já tem a perversidade na veia...

    :(

    ResponderExcluir
  7. Foi super clara sim, como sempre!

    Só que, infelizmente, a idolatria é antigaaaaaaaaaaa........

    ResponderExcluir

Anônimo, eu não sei quem é você, mas o Senhor te conhece muito bem. Sendo assim, pense duas vezes antes de utilizar este espaço LIVRE (poderia bloquear comentários de anônimos mas não o faço por convicção pessoal e direção espiritual) antes de ofender quem quer que seja. Estou aberto para discutimos idéias sem agredir NINGUÉM ok? - Na dúvida, leia mil vezes Romanos 14, até ficar encharcado com a Verdade sobre este assunto...